segunda-feira, 21 de janeiro de 2013

Contando o tempo


- Mamãe!!! É amanhã que eu vou ser do Jardim 1??? - disse o menininho de 4 anos, já cansado do clima de férias que habita nossa casa desde dezembro.

- Não, filhinho... Tem mais uma semana de férias. Aí sim você vai ser do Jardim 1.

E ele emburra.
Emburra porque esperar é um saco.
Ainda mais nessa idade onde tudo parece ser perda de tempo.
Ainda mais quando cinco minutos é tempo demais.

Isaac tem sofrido com esse negócio de contar o tempo.
Está entendendo sobre os conjuntos de dias que formam semanas, meses e anos.
Também arrisca sobre segundos, minutos e horas.
E se a contagem passa de dois (sejam segundos ou anos) ele já acha um absurdo.

Não quer esperar.
Quer tudo imediatamente agora.
Bufa, faz cara feia, pergunta sobre o tempo e reclama dele.
E sofre.

- Mamãe, nós vamos ficar muito aqui na casa do amigo?

- Não, amor, vamos embora daqui a pouquinho.

Pronto.
Aí a ansiedade é tanta que ele perde todo o tempo que deveria ser brincado vindo me fazer a tal pergunta:

- Nós já vamos embora????

E acaba que não brinca.
Passa mais tempo me questionando sobre o tempo que lhe resta e roendo o tico de unha que lhe sobra do que brincando.
Triste.

Eu acho uma pena.
Mas sei que ele ainda não tem esse controle.
Um dia terá.
Mas hoje sofre.
E não sabe o que é se arrepender direito.
E continua de mal com o tempo.
Até que um dia aprende.
Tomara.

...

6 comentários:

Celi disse...

Lindo demais! 4 anos... Jardim I. O tempo voa mesmo, melhor que não tenha noção. Já pensou ficar igualzinho a nós. Melhor que seja mais tarde mesmo! rs
Beijos querida e boa semana.

Patrícia Boudakian disse...

que mocinho, carol, jardim 1. orgulho! deve ser muito louco começar a descobrir e entender o tempo. deve rolar uma ansiedade danada.
eu ficava doida perguntando pra minha mãe sobre tempo e distância... e tbm desejava que passasse logo. hoje só quero que se arraste lentamente para que possa curtir cada segundo.
é... um dia ele aprende, com certeza.
beijos!

Sarah disse...

Bento comentou ontem que está com saudade da escola, da professora e dos amigos. Acho que eles cansaram mesmo das férias rs!! Por outro lado, é um sinal que gostam da escola né?!
E engraçado isso deles entenderem coisas tão abstratas como tempo e distância. Estão ficando muito moços esses pequeninos!!
bjos

Francine Barrionuevo disse...

Carol, o Felipe sofre do mesmo jeito.
Vc acredita que ele mesmo me pediu um calendário pra por no quarto dele? Ainda to meio de ressaca de tantas festas, Natal, Ano Novo e Aniversário, mas preciso começar a confeccionar um de feltro pra ele. Tadinhos!!bjs

Martha disse...

Carol, laís ficou duas semanas em casa e reclamou da falta da escola... Fiquei triste mais entendi que era a falta dos amigos e das atividade/brincadeiras.
Sobre a contagem do tempo, eu estou querendo fazer essa calendário (http://revistacrescer.globo.com/Revista/Crescer/0,,EMI271528-10524,00.html) para tentar começar a passar essa noção de tempo para Laís. Acho que ajuda muito!

Quem sabe ajude por aí!

Bjnhos

Mamãe pela 2ª vez disse...

Aqui Ubiratan tem 7 anos mas o tempo pra ele é uma eternidade, ele conto os dias pra tudo, o aniver´sario é em março e todos os dias me pergunta quantos dias faltam.
São tantas perguntas que realmente eles perdem tempo rs.
bjus

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails