quinta-feira, 10 de novembro de 2011

Atualizando as coisinhas dos 3 anos

Tá que hoje tô mais calma.
Com mais sono também, mas calma.
E a vida é assim, né gente?
Uma graça também.
Ainda mais quando se tem filho de três anos de idade.
Aí vira uma comédia.
Daquelas boas, mesmo.
Isaac agora curte Metallica.
O disco acústico, mas curte.
Outro dia maridex veio todo louco e babando mais que o normal contar que colocou filhote no carro e quando olhou pra trás viu menininho loiro e sorridente balançando os braços pro alto, como se estivesse num show da banda.
E reclamou a hora que o pai desligou o som.
E os gostos mudam.
Ontem mesmo mostrei a ele clipe da Adriana Calcanhoto e revelei que aquela era a Partimpim que ele tanto ama.
Ou amava.
Olhou bem pra mim, troceu o nariz e perguntou "Quem é essa daí, mamãe?", como quem diz "essa fase já passou, velhota, não viva de saudosismo".
Ao mesmo tempo que canta NO NO NO com a Amy e seu "Rehab".
Assim como dançar "thriller" e cantarolar "yellow submarine" agora fazem parte do repertório atual.
As brincadeiras também.
Mesmo que piratas ainda sobrevivam ao tempo, agora eles contam com up grade no aplicativo.
Dão piruetas e falam em inglês, respondem uns aos outros e ficam de castigo se não param em pé no barco ou metem o gancho onde não são chamados.
Quintal é espaço pequeno e o parque do condomínio não ocupa mais uma tarde inteira.
Nem a mamãe é mais solicitada para todas as atividades.
E a vida continua linda.
O tamanho da cama aumentou e as barras ficaram curtas. As meias e cuecas ganharam novas carinhas e os livros de páginas mais grossas ficam mais tempo na prateleira.
As fraldas são cada vez mais escassas e a gente vai com calma.
Agora se ouve com maior frequência as preferências e os "eu quero" vem cheios de argumentos.
As atitudes são muito mais dele do que nossas.
Ainda é nosso reflexo mas já sabe bem o que quer.
Ontem correspondeu ao abraço de menininha querida com um carinho leve no rosto dela. E ficou com vergonha como todo menininho dessa idade. E saiu pra ver os maiores jogando video game como todo menininho dessa idade.
E também não ficou mais grudado na gente, só corria pra pedir água ou tirar alguma dúvida técnica.
De forma simples e mágica.
Mas ainda chora.
E quando chora quer o colo da mãe.
E quando não se sente bem, como nessa madrugada, me faz lembrar do recém-nascido e sentir dó de mim.
Por não ter um colo que cresça também.
...

E ó eu falando do tempo de novo....

12 comentários:

Futura mãmã disse...

Porque o tempo passa a voar nao e verdade?
Me visite..Beijo

Carlinha Freitas disse...

Como eu adoro os seus textos Carol!

Repito: já pensou na idéia do livro? Adoro seu estilo de escrita!!!

Beijo!

Juliana Negrão disse...

Ai, Carol! E como passa rápido! Aqui em casa agora tenho 2 e em fases completamente diferentes. Cada um descobrindo o mundo a sua maneira. Um de 8 anos as voltas com videogames, tarefas, tabuadas, menininhas bonitinhas, etc e outro de 1 ano aprendendo e apreendendo tudo que lhe é peculiar...ou seja, várias emoções!

Re disse...

Eh, cada fase tem suas maravilhas, ne? Meu marido qdo vai buscar a Manu no bercario vira e mexe escuta alguma mae dizendo: ai que saudades dessa fase...mas acho que no fundo todas as fases deixam saudades! Bjs

Francine Barrionuevo disse...

Sorte a sua que ele curte metálica, porque o meu esses dias perguntou mãe essa aí é daquele santana?? (oi???) Quase cai de costas, isso é o que dá querer sair com o maridex e deixar a cria com a avó de gosto duvidoso...rsrsrsrs

http://amaequeeuseiser.blogspot.com/

Ana Cristina disse...

Ai Caro, o Isaac tá crescendo e os meus 4 também...
O que faremos, amiga?

Beijos

Ana Cristina

Tatei e Nana disse...

Sei bem do que vc está falando... Meu menininho de 3 anos está quase completando 4... Não dá pra acreditar!
Bjs

Micheli Ribas disse...

O tempo passa mesmo, Carol!
E os pequenos mudam rápido demais.
Adorei o post.
Beijos,

Alana Contarato Gomes Ambrosino. disse...

gente! coisa mais linda! e como crescem, como mudam, como ficam mocinhos, independentes... e o colo da gente sente tanta falta!

Já falei que adoro seus posts Carol! Voce escreve hiper bem, como diria minha filha!
Estamos de volta no www.mentirasqueasmaescontam.blogspot.com, espero poder dar a atenção necessária!

Abraço \o/!

Chris Ferreira disse...

Ai Carol,
eles crescem rapido mesmo! Eu fiquei boba que ele gosta de Metálica! Que fofo! Filma isso, pra guardar! rsrsrs....
Amei vir aqui!
Beijos
Chris
http://inventandocomamamae.blogspot.com/

Karine e Rafinha! disse...

adorei.....Rafinha tbm está com 3 e a vida é uma grande alegria mesmo....bjs

Muito Criança disse...

É isso Carol, depois que MC fez tres anos, continuou criancinha, mas mudou mesmo. É independente, já vai no banheiro sozinha, por exemplo e não quer mais que fico lá. Eles vão crescendo e nosso coração vai ficando pequeno....
Bjs

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails