quarta-feira, 16 de fevereiro de 2011

Da culpa que corrói

E então que eu me meti a dar aulas.
Além da já agitada rotina de jornalista, radialista, esposa, mãe, dona-de-casa e afins - não necessariamente nesta mesma ordem - a abelhuda aqui aceitou convite para ser professora do curso de Locução do Senac aqui da city.
Não são muitas aulas. Uma por semana. Cinco semanas. Excelente oportunidade profissional. Etecéteras, etecéteras e etecéteras. 
Há uma lista de bons motivos se querem saber, mas sou mãe.
Arrá!
Chegamos ao ponto.
Ontem foi a primeira aula. Estava eu toda toda. Material preparado, uma empolgação infinita, idéias fervendo na cabeça.
Mas acontece que terça é dia da cria ficar integral na escola e entre jornalistar de manhã, almoçar com maridex, supermercado, pilates, pegar Isaac na escolinha e dar aula a noite fiquei com o pequeno exatos 45 minutos.
45 minutos num dia inteirinho!
Alguém aí consegue imaginar e entender em que situação estavam coração e consciência às 22h45, hora que cheguei em casa ontem e já estava tudo escuro e silenciosamnete insuportável?????
Ploft!
Morri de tanta culpa.
Tive vontade de chorar.
A aula, que havia me animado a ponto de voltar pra casa ouvindo Ramones num volume absurdo, perdeu completamente a graça quando fui contar pro maridex, depois de ter visto a cria já dormindo e os brinquedos já quietos no chão...
Ploft!
De novo a culpa me deu uma rasteira daquelas.
Só lembrei das gaguejadas que dei e dos alunos mais cricas.
Fiz uma força enorme pra não me arrepender.
Não dormi.
Fim da história? Nem a pau!
Lóoogico que nem toda desgraça é eterna e gente louca como eu não fica assim, curtindo um baixo astral desses.
Me apeguei a cada momento dos pesadelos do Isaac essa madrugada, fiquei ao pé do berço batendo um papo bacana com os anjos da guarda da família.
Tive coragem de pedir pro maridex sair do caminho esta manhã e passar aqui pra gente tomar um café junto. Nós três.
E foi uma delícia.

essa foto não é de hoje, mas amo "nós 3" nela.

E agora estou aqui, com olhos cheios de lágrimas, numa culpa danada que até dói, só porque já estou animadíssima, pronta pra preparar a aula da próxima semana.
Oh Céus!

Ah!!! E hoje é Dia do Repórter! Clap clap clap pra todos os colegas da área.

33 comentários:

Naiara Krauspenhar disse...

Ai amiga, compartilho da sua dor, porque eu trabalho muito tambem e as vezes fico menos com GG do que gostaria...
Mas eu tiro o atrasado quando dá. E esmago, esmago, esmago até dizer chega.
E outra honey, se são só 5 semanas, tem sempre o atenuante de que "vai passar"... rs
Luv ya!
Bjos

Grace disse...

Um dos maiores erros de nós maes é esquecer que somos GENTE. Se vc amou dar a aula, por que ter culpa de gostar, e querer ir em frente?? E outra, vc nao vai ficar sem ver o Isaac para sempre, ou todo dia só 45 min. Vai ser uma vez por semana, só!!
Acredite em mim, ele vai sobreviver (e vc tbem...eheheeh...)
Beijoss

Carol Passuello disse...

Brabo, né... Mas que legal que tu já achou uma alternativa! Será que não melhora quando o 'dia da aula da mamãe' for seguido por um 'café da manhã com a mamãe' e uma visita à rádio?
Bjs

viajandocompimpolhos disse...

Mãe, o nosso sobrenome é culpa!! Se não fosse isso, seria outra coisa! Relaxa!
A foto dos 3 esta linda mesmo! Adorei
Bjs,
@viagempimpolhos

Tchella disse...

óiiiiin óiiin óiiinn isaaquinho lindo! ai a culpa, eu q fui me depilar ontem (olha só) e levei o lucas junto pela 1a vez p ver oq dava, o guri chorou, nao quis ficar no bebe conforto, e a culpa, e o: q q eu tinha q vir me depilar! hahaha

nao adianta a gente sempre se culpa. acho q no fim a culpa faz de nos maes melhores, se nao fosse assim, toda mae teria culpa? hehehe

Kcau-Coisa de Garotos disse...

Nossa Carol! Eu sou nem posso comentar ao seu nível; no máximo me sinto culpado quando cuido mais da casa que das criatudo. Abri mão da minha vida por causa deles.
Mesmo assim, acho que vc vai mesmo superar toda culpa. Logo vai acabar né?
Bjocas

Simone disse...

Eita lelê que a gente não se permite um sossego né?

Vou te pedir desculpas, Carol, porque eu ri com seu post. Entendo demais essa 'culpa' porque sinto ela todos os dias, mas quem é que tem e consegue tudo que quer?

Relaxa que as coisas entram nos eixos. Sempre.

Linda a foto.

Bjs!!!!!

Mãe de Duas disse...

Carol, você é mãe que faz! Sei bem o sentimento de chegar em casa e todo mundo já está dormindo, mas que delícia poder tomar café juntos.
Imagina o orgulho do Isaac (amo o nome do seu filho, já falei?) quando começar a entender o monte de coisa bacana que a mamãe faz!
Vc já levou ele na rádio pra ele conhecer como é lá?
Bjo
Priscilla

Anne disse...

tô na mesma (não dou aulas...)
mas diminuindo a carga horária de mãe e sofrendinho em parcelas (porque é sem juros)
bjo

Kah disse...

G-zuis.
Se te acalma (e lógico que não), a Juh aqui está no caminho contrário: overdose de mãe. A bichinha me vê e vai para o lado contrário "ter um tempo dela". Aí agora estou me sentindo culpada. Veja, você pouco tempo = culpa; eu muito tempo = culpa. Me diz, há justiça materna nesse mundo?

[Estou recebendo os e-mails com um dia de atraso, quem mandou dizer que tinha saudade da época em que a comunicação era pelos Correios?]

Beijão!

Camila disse...

Ah, não, fica assim, não! Uma vez por semana, 5 semanas, não vale a culpa, vai?! Manda ela embora, eu te ajudo e assopro daqui, pode ser??
Bjocas,
Camila
http://mamaetaocupada.blogspot.com/

Ioly a dona do verdades... disse...

A foto mostra um momento especial, de alegria em família.
E sobre a culpa, aprende a lidar com ela, depois vc me conta como superar, pois vou precisar em breve desse elixir.
bjk

Shilola disse...

Carooooolis...
Até o meu coração ficou apertado aqui, mulher! :S
45 minutos com Isaac... :S
Mas pensa que faltam apenas mais 4 semanas... Força na peruca mulher! :D
Puxa pelo nariz e solta pela boca... Tudo vai dar certo. Da-lhe café da manhã com os 3! ;)
Bjocas,
Carol

Mariana - viciados em colo disse...

aproveita os outros dias que não tem aula e se permita sentir-se bem. nada de culpa, mulher! é até bom que eles curtem um momento pai e filho gelol juntos. vai ser feliz: mulher feliz = mãe feliz = filho feliz...
beijoca

Coisas de mãe disse...

A não Carol! Chega de culpa! e endendo até o fim, no teu lugar me sentiria igual, mas peloamordedeus, você é uma mãe incrível, da pra ver isto a cada post, a cada foto. Você aproveita cada segundo com ele, se você estiver bem, ele vai estar bem tambem!!

beijos

Pati

Milla Muglia disse...

Parabéns pelo dia do reporter!!!Não se culpe!!! Vc é maravilhosa pra ele,ó lado bom é que ele vai ter este dia só com o papaii dele!!!Papo de meninos!!!
Bjkas!!!

marianadb disse...

Li por aí que o que importa é a qualidade do tempo que se passa com o filhote, não o número de horas. Que vale mais 15 minutinhos brincando pra valer com ele do que 1 hora fingindo que brinca, mas prestando atenção em outras coisas.
Mas, espera... nem sei pq to falando isso. Um dia por semana e por 5 semaninhas? Sei que parece muito, mas acho que o Isaac mal vai notar! :)
bjins

Mariana
maedarua.com.br

Paloma, a mãe disse...

Carol, a foto é linda mesmo! No mais, sei como vc se sente, já me senti assim, quando fui fazer uma pós à noite (2x por semana). Não é fácil, mas esta é mais uma das escolhas difíceis que temos de fazer diariamente e, se vc escolheu não perder a oportunidade profissional, procure ficar mais com o Isaac nos outros dias da semana, se desligando de todo o resto. Com certeza vai fazer um bem enorme para ambos!
Beijos e boa sorte

Martha disse...

OLha Carol.. to aqui igualzinho..
Ontem fiquei até mais tarde no trabalho e quando cheguei em casa, depois de dias e dias dormindo lá pelas tantas, Laís jantou e dormiu... simples assim... E eu? sem saber o q fazer com o tempo vago, vi tv, sem ver o q tava passando.. e sem paciencia... Reclamei! Bem feito pra mim!

Viu.. não dianta... o bom é que eles nem ligam tanto assim e no dia seguinte agente compensa tudo.

Bjnhos
Ah.. parabens pelo dia!

Ana Carolina disse...

Mas pense que essas aulas tão vão te dar uma energia extra pois desafios sempre mexem conosco. Então boas aulas!!!
BJKS

Ana Carolina

quasemaepai.blogspot.com

Ana disse...

Que furacão de emocões!
Aos poucos vc vai tomando a direção do leme novamente.
Meu filhote adora tomar café na padaria.
Hoje ele me acordou me pedindo para ir.
Lá fui eu, descabelada, olhos grudados ainda tomar café junto com os engravatados apressados. Rs
Bjs!

Re disse...

Carol, nada de culpa..pelo contrario, troca a culpa pelo orgulho...minha mae sempre dizia que o filho valoriza mais a mae qdo ela trabalha, se ocupa, do que aquela que passa o tempo todo em função dele e eu acredito nisso, pois eu, que ja fui filha, sei do orgulho que eu tenho da minha mae, por ter, com 40 anos, nos "abandonado" para correr atras do seu sonho: fazer faculdade e se tornar advogada. Perdemos a manha que tinhamos com ela, mas ganhamos uma mae mais centrada, mais realizada e mais feliz. Bjs

Thaís Rosa disse...

Carol,
nada como realização profissional pra espantar culpa de mãe. E você feliz, fazendo o que gosta, vai transmitir essa felicidade pro Isaac. Ele pode sentir um pouquinho, mas logo vai perceber que isso tá te fazendo bem, e vai ficar bem também. E o que você fez foi perfeito: depois de um dia difícil pra vocês dois (talvez até mais pra você que pra ele, pois nós temos essa percepção racional do tempo, eles não), você deu um jeito de criar um super momento em família, que ele com certeza amou.
Ano passado foi assim por aqui, um turbilhão: trabalho na ong, doutorado, aulas fora da cidade (algumas à noite)... você ainda tá conseguindo manter o blog, o meu ficou meio às traças... Mas eu procurava fazer como você, como outras mães também falaram: como parte dos meus horários eram flexíveis, eu tentava sempre dar um "golpe" na agenda e arrumar outros horários livres pra ficar mais com ele. De repente você consegue isso por aí também...
beijos e parabéns pelas conquistas profissionais!
thaís

Jaqueline disse...

Oi, Carol.
Acompanho sempre o seu blog e estou prestes a me sentir 'culpada'. Beatriz fez 6 meses e semana que vem volto a trabalhar. Já me peguei calculando quanto tempo do meu dia conseguirei ficar com ela e confesso: já me sinto culpada.
Mas estou tentando acalmar meu coração desde já. Hoje não podemos ser apenas mães. Pra nossa cabeça, pro nosso bolso e também pra nossa família é bom voltar pro mercado. Que Deus nos abençoe, Amém!

Fabi disse...

Oi Carol, tudo bem? Sei bem o que é isso, viu. Eu também saía chorando todos os dias quando ia trabalhar e deixava minha pequenina. Meu coração parecia que ia dilacerar. E olha que eu nem tinha tantas atividades assim como você. Hoje, que estou desempregada, passo o dia todo com ela. O coração fica feliz, claro, mas a culpa é de ainda não ter conseguindo emprego pra ajudar, pois as contas pra pagar não param de chegar... E a gente vai se virando, né. Como mãe, como profissional, como dona de casa, etc, etc. Parabéns pela sua perseverança, garra, ânimo... O Isaac tem uma baita sorte de ter essa mãe maravilhosa e dedicada, profissional exemplar e ainda por cima, blogueira nas horas vagas!!! É isso aí, Flor. Deixo aqui a minha inteira admiração. Grande beijo da Fabi.

cynthiasantos disse...

Não fica assim, não!
Lembre-se que você precisa de um tempo só seu... lembro da sensaçãod e liberdade (e culpa) que senti no primeiro dia de trabalho após a licença maternidade, fui trabalhar ouvindo muse no último volume! E quando cheguei pra pegar o filhote na casa da avó, ele estava super bem e feliz! Não se culpe, vocês têm o resto da vida pra estarem juntos, aproveite esse tempo só seu...
beijo grande!!

portfolioleandromello disse...

Carolzita, desanima não!!! Período de adaptação é tenso mesmo, mas essa nova experiência vai ser fera pra vc. Vai que vai, nos outros dias vc compensa ficando com eles um tempinho a mais. ahahaha. Bjos.

Lane e Pedro Henrique disse...

Por que toda mãe tem que sentir culpa? Não deveria ser assim não...mas coração de mãe é coração de mãe, né?
Mas as aulas vão passar rápido, vc vai ver. Sem contar que vai fazer muito bem para vc!
Depois vcs recuperam o tempo perdido!
Bjks!

Vanessa Ribeiro disse...

Carol, acabei de escrever um comentário e sumiu, desculpe se publicar dois repetidos tá?

Adorei o post. Acho que todas nós sentimos essa chata dessa Sra Culpa ali, no nosso pé o tempo todo. Eu me sinto super mal cada vez que vou ao curso de cerâmica nos sábados... será que um dia isso passa???

Beijos
Van

www.coisasminhas.com

Kira! disse...

Eu sei que é difícil mas você não deve se culpar, seu filho vai se orgulhar de ter uma mãe tão multi-tarefas. E será assim durante 1 vez por semana só não é? Isso passa rápido, você pode arranjar várias coisas para fazer e aproveitar esses 45 min com eles!

Beijão

http://parabeatriz.blogspot.com

Mamma Mini disse...

Carol, bem vinda ao clube da culpa materna... será que toda vez que fizermos algo que nos faça bem mas só traga benefício "próprio" a gente vai se sentir a pior mãe do mundo? simmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmm, a resposta é sim... porque mãe é bicho doido e acha que não pode fazer coisas que tragam benefício para um único ser da família que não seja o filho... mas relaxa, eu sei que 45 minutos num dia é foda, mais ou menos o quanto em fico com o DAvid em épocas de bazares, e a culpa mata, mas depois aproveito para tirar um day off e não desgrudar, o findi tá aí, aproveita pra grudar nele e não largar mais... ele não vai se lembrar dos 45 minutos do dia de ontem e sim do tempo maravilhoso que vcs passam juntos!
um beijo e fica tranquila que toda mãe sofre com isso!

1001roteirinhos disse...

Ainda bem que essa culpa dá e passa! ;)
Me deu até vontade de fazer essas aulas! Ter vc como professora deve ser tudo de bom!

E quer saber, daqui a pouco ele não vai pensar duas vezes em largar vc pra se divertir com os amiguinhos. E olha q não tô falando nem da pré-adolescencia (já tô achando que essa fase começa aos 4 anos!!!)

Divirta-se! :D

Bjs, Eliane

Juliana Dalzoto disse...

Bem, as meninas já disseram tudo, mas eu passei aqui para reafirmar: você é ótima, Carol, então manda essa culpa embora (olha quem falando!) e curte essas 5 semaninhas aí. Uma vez só na semana... ainda mais que vc adorou!

Gostei da idéia da Carol Passuello, será que rola? Acho que o Isaac iria adorar!!!

Boa sorte e boas preparações para as próximas aulas!

Ju

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails